Hey, filme! Divergente

divergente-imagem-1

No dia 17 estreou o filme Divergente aqui no Brasil e nós, que já tínhamos lido o livro, estávamos loucos para assistir e fomos logo na estreia! E por sorte nem estava tão cheio assim e conseguimos de boa comprar os ingressos.

O filme/livro se trata de um futuro distópico, e para evitar guerras, a sociedade é dividida em cinco facções, cada uma contribuindo com um diferente setor da sociedade. Os que culpavam a agressividade formaram a Amizade, os que culpavam a ignorância se tornaram a Erudição, os que culpavam a mentira fundaram a Franqueza, os que culpavam o egoísmo geraram a Abnegação, e os que culpavam a covardia se juntaram à Audácia. Todos os jovens ao completarem 16 anos passam por um teste onde descobrem a qual facção pertencem. Porém algo raro acontece no teste de Beatrice Prior (Tris): seus resultados são inconclusivos. Isso significa que ela pertence a mais de uma facção. Eles chamam isso de DIVERGENTE. Divergentes não podem ser controlados e devem ser eliminados.

Assistimos ansiosos os 140 minutos de filme, que não agradou gregos e troianos e estamos aqui para deixar nossa opinião. Cuidado, têm muitos spoilers!

divergente-imagem-2

Bárbara: É difícil dizer o que achei do filme, eu esperava mais? Sim. Nos livros a gente sempre imagina do nosso jeito , e do nosso jeito é sempre melhor! Eu já li os 3 livros que compõem a série, acho incrível a historia, apesar de achar que poderia ser melhor desenvolvida. O filme tem exatamente o mesmo problema, cenas que deveriam ter maior destaque ficaram apagadas por inúmeras cenas de romance! Tudo bem que o Quatro ou Tobias (eles falam TOBAIAS no filme kkkkk) é lindo ! Mas se quiséssemos ver romance, assistiríamos porcarias como Crepúsculo… O filme é longo, o que o tornou um tanto cansativo, em compensação o figurino e o elenco foram incríveis. Os atores são ótimos! Fiquei surpresa , a Shay foi uma grata revelação com sua atuação impecável, pra mim um ator só é bom quando eu acredito nele, quando esqueço que estou vendo um filme. E ela é a Tris ! Já os efeitos especiais foram.. como posso dizer? Um lixo! A cena da tirolesa é uma vergonha! Eu demitiria quem fez aquilo!kkkkk Apesar de tudo, é um bom filme, eu gostei ! Quero assistir Insurgente e espero que seja melhor!

Paulo: Achei um filme sem sentido, porque não dá pra achar uma explicação clara do motivo de os divergentes serem uma ameaça à sociedade. O começo é ok, com a explicação da Tris sobre as facções, mas quando apresentam os membros das mesmas, ficou tudo muito caricato, sem contar no festival de vergonha alheia que começou a partir de então. Os efeitos especiais foram de fazer chorar lágrimas de sangue (um momento resume toda a falta de orçamento do pessoal dos efeitos especiais: a transformação do cachorro na paisagem do medo da Tris). Isso sem contar todo o ato final que foi um dos momentos mais sem sentido do cinema (começa quando ela e o Tobias são descobertos como divergentes, e segue até quando ela enfrenta a Jeanine). A trilha sonora não acompanhou o propósito dos momentos em que foi inserida (vergonha alheia na primeira execução de “Beating Heart”). O que foi bom no filme foi a atuação da Shailene Woodley, no papel da Tris, que soube trabalhar bem uma personagem não aproveitada pelo roteiro. Enfim, tinham um bom livro em mãos para adaptar, mas não conseguiram fazer metade do que poderiam ter feito, pelo menos pra mim.

Thaís: Bom, mesmo sem querer não tem como não comparar o livro ao filme, me desculpem, mas vamos lá… Achei o filme bem morno, apesar do livro não ter muitos altos, o filme não abordou muito bem esses momentos que dariam um up e no meio do filme eu e o P já estávamos de saco cheio! As alterações que fizeram ficaram sem nexo, e as cenas pareceram meio jogadas do nada, poderiam ter abordado mais as histórias do livro para ficar algo mais amarradinho. Ah, ODIEI os efeitos! Gente o que era aquela bandeira flamejante? E a cena dela fazendo tirolesa? kkk Destaques que curti pra caramba: Shailene Woodley impecável! Ela arrasou nas cenas emocionantes, quando vi aqueles olhinhos cheio de lágrimas quase chorei também.  O Quatro estava sério como imaginei e lindo, bem lindo. As últimas simulações foram ótimas, bem do jeito que imaginei! (odiei a primeira que têm os corvos). Ah e as cenas finais? Que ela ataca a Jeanine! Adorei! Mesmo que não seguiu o livro, ficou ótima, porque no livro o final é meio monótono e poderia ter ficado pior no filme. Bom, esse foi meu balanço sobre o filme, teve momentos ruins e poucos bons, podia ser  muito melhor, mas infelizmente nada é perfeito…

Essa é nossa opinião galera, e vocês, o que acharam do filme? Conte para gente! ;)

divergente-imagem-3

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s